Terms & Conditions

We have Recently updated our Terms and Conditions. Please read and accept the terms and conditions in order to access the site

Current Version: 1

Privacy Policy

We have Recently updated our Privacy Policy. Please read and accept the Privacy Policy in order to access the site

Current Version: 1

Paulista - SP

Brasilia - DF

EnglishעִבְרִיתPortuguêsEspañol

Mostra Internacional do Cinema Negro celebra o griô antirracista Kabengele Munanga – Jornal da USP

20231113_-Kabengele-Munanga.jpg


No dia 16 de novembro, às 16 horas, no Anfiteatro Camargo Guarnieri, do Cinusp Paulo Emílio, será exibido o filme Kabengele: o griô antirracistacomo parte da 19ª Mostra Internacional do Cinema Negro (Micine). O documentário possui a direção de Celso Luiz Prudente, professor e pesquisador da Faculdade de Educação (FE) da USP, a produção do Canal Futura e coprodução da TV PUC/SP. A exibição contará com a participação da equipe responsável pela produção do filme, além de professores e convidados. A programação completa das mostras pode ser vista no link. Além do filme, será lançado um livro com as contribuições do pensador e ativista Kabengele Munanga sobre o cinema negro, no dia 22 de novembro.

Esta edição da Mostra Internacional do Cinema Negro – inaugurada no dia 7 de novembro – acontece durante o mês da Consciência Negra, em novembro, e tem como tema D’África à diáspora: o pensamento antirracista de Kabengele Munanga, por ser composto pelo documentário Kabengele: o griô antirracista, contando a história do antropólogo, ativista e pesquisador com mais de 150 publicações, entre livros, capítulos de livros e artigos científicos. Munanga também recebeu prêmios e títulos de honra, como a Comenda da Ordem do Mérito Cultural, pela Presidência da República Federativa do Brasil, em 2002, e o Troféu Raça Negra 2012, pelo Afro-Brás e Faculdade Zumbi dos Palmares.

Natural do Congo, na África, Kabengele possui conhecimentos que vão além da academia. “Eu vim junto de uma contingência de africanos para o Brasil, mas sempre ensinando aos brasileiros o que aprendi com eles, principalmente sobre o suor e sangue gastos na construção do País. Eles trouxeram cultura, religião, visão de mundo, por isso precisamos de uma educação multicultural que mostre que a identidade brasileira não é apenas europeia”, afirma o homenageado do evento.





Source link

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Print
plugins premium WordPress